Social Icons

twitterfacebookgoogle pluslinkedinemail

sábado, 1 de outubro de 2011

A primeira, a gente nunca esquece...



Quem não foi, perdeu a noite... A Noite Fora do Eixo, promovida pelo Coletivo Virote na última sexta-feira. A primeira de uma série de 4 desta temporada (2º semestre/2011), que irão rolar até o final do ano, no Pub Capitão Cook.

A Banda Penny Mocks no palco do Capitão Cook
Gente de todas as tribos apareceu e logo de começo, se surpreendeu com o rock n’ roll da banda Penny Mocks, que estava lançando seu primeiro EP homônimo na Festa e foi sucesso! Tanto que o disco se esgotou bem antes da Noite acabar, na banquinha do Virote Coletivo.

A Penny Mocks está dando as caras no mercado, com seu EP, agora, mas é um projeto que vem desde 2008, sempre com a mesma formação: Rodrigo Cunha (baixo e voz), Bruno Luan (guitarra), João Alberto (guitarra e voz) e Renoir Dantas (bateria). Penny é de Sergipe e faz parte do cast da rede Toque no Brasil, parceira do Circuito Fora do Eixo e por esse conjunto de fatores, o destino conspirou para ser Ela a abrir a temporada das Noites Fora do Eixo.

Companhia de Teatro A Tua Lona
Na sequência, quebrando o gelo, foi possível experimentar um dos atos da peça teatral Agonia e Gozo, encenada pela Cia de Teatro A Tua Lona. Geniais foram os atores: Inês Reis, Cícero Júnior e Euler Teles, arrancando suspiros e aplausos da platéia que formou a “roda” no teatro improvisado, no pátio do Capitão Cook. São só um ano e três meses de estrada, mas a Companhia já percorre caminhos frutíferos no meio artístico sergipano, participando dos principais festivais de teatro do estado e até fora, como o Fecta, lá no Ceará.

Artistas do Cenarte-UFS
Mais arte, dessa vez visual, rolava enquanto outras atrações se apresentavam na Noite, foi o caso dos artistas plásticos do Centro Acadêmico de Artes - Cenarte, da Universidade Federal de Sergipe-UFS. Eles pintaram painéis durante a festa e interagiam com o público, que era convidado a expressar-se também usando os pincéis.

Para fechar, mas só por essa Noite, com brilhantismo, a Banda Alagoana Eek. Veteranos, tocavam pela segunda vez em Aracaju, também por intermédio do Toque no Brasil, fizeram seu som “sem rótulos”, como preferem se auto-intitular, mantendo a galera sem vontade de ir embora, com composições autorais e covers de sucessos, embalando a Noite até mais de três da manhã.

A Banda Eek de Maceió
Formada por Diogo Braz (voz e guitarra), Christophe Lima (bateria)  Wagner Sampaio (guitarra e vocais) e Leo Tarja Preta (baixo), a Banda Eek está na estrada desde 2003. Lançou a pouco tempo seu primeiro disco, intitulado Fantasia de Equilibrista, que inclusive levou o Prêmio Uirapuru de Música Brasileira, da revista O Dilúvio, na categoria "Melhor disco de 2010 - voto do público".

O Núcleo de Produção Digital Orlando Vieira também esteve presente na Noite Fora do Eixo, registrando tudo suas câmeras, cenas que em breve estaremos mostrando a todos aqui no blog



Pessoal do NPD Orlando Vieira Registrando tudo
Essa foi só a primeira! Dia 15, agora em outubro, tem mais! Presenças já confirmadas de Casa Forte e Você Me Excita (BA). Acompanhe o blog que logo, rapidinho, teremos mais informações sobre as próximas atrações.

As bandas interessadas em apresentarem-se nas próximas edições do Noites Fora do Eixo, deve ir correndo até o portal do TNBhttp://tnb.art.br/oportunidades/noites-fora-do-eixo. Lembrando que é importante que estejam cadastrados no site para participar.

Nenhum comentário: