Social Icons

twitterfacebookgoogle pluslinkedinemail

terça-feira, 30 de julho de 2013

Governo e Petrobras reestabelecem água para mais de 10 mil pessoas


A tarde de ontem, 29, foi marcada pela assinatura do convênio que possibilitará que 16 poços voltem a fornecer água a 16 pequenas localidades . No acordo, a Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe (Cohidro) obteve o apoio da Petrobras para a recuperação dessas unidades de abastecimento de água, que vai custear os serviços com o montante de R$ 402.111,38 e reestabelecer o abastecimento para 10.150 pessoas nos municípios de Poço Verde, Poço Redondo, Pedra Mole, Gararu, Carira, Canindé do São Francisco, Tomar do Geru, Porto da Folha, Monte Alegre e São Miguel do Aleixo.


A demanda de poços que careciam de recuperação, trazida até a Cohidro por prefeitos e líderes comunitários, foi analisada pela Diretoria de Infraestrutura da Empresa. Identificadas às unidades prioritárias e com possibilidade de recuperação, foi elaborado um projeto que carecia de um parceiro para sua execução, conforme esclarece o diretor do departamento, Paulo Sobral. “Em reunião entre as diretorias da Companhia, sobre as possibilidades de captação de recursos para este trabalho foi identificada a Petrobras, já parceira do Governo do Estado em outras iniciativas”.

Porto da Folha, município sergipano distante 183 km da Capital Aracaju, será um dos beneficiados com os poços recuperados, atendendo o assentamento rural Paulo Freire, povoados Bela Aurora e Pedro Leão. Para o prefeito Albino Tavares, se trata de um projeto extremamente necessário para essas localidades, onde três sistemas de abastecimento atendem 920 pessoas.


“Tivemos uma seca castigante no último ano e gente tem que estar preparado para as próximas que vamos ter. Seja com medidas como a desses poços que serão recuperados ou por outras iniciativas, como a cisternas que a Petrobras irá fornecer. A gente valoriza bastante essa ação da Cohidro, junto da Petrobras e nos colocamos a disposição, quando um órgão como a Cohidro vem trazer benefícios para nossa população”, avaliou Dr. Albino, referindo-se também ao programa “Uma Terra Duas Águas” da Petrobras, que vai construir 99 cisternas no município, 596 em Sergipe e 20 mil, em todo Nordeste.


Este convênio com o Governo do Estado é mais uma destas iniciativas de desenvolvimento humano da Multinacional, que já tem fundamental papel na economia de Sergipe e Nordeste, conforme estabelece o gerente-geral da Unidade de Exploração e Produção de Sergipe e Alagoas, Luiz Robério Ramos. “A Petrobras está presente nos interesses do Estado, não só produção de Petróleo, fornecendo royalties e com isso gerando empregos, mas também naqueles temas de sensibilidade social. É um convênio importante, onde a Petrobras, junto da Cohidro e da Seagri, vai reestabelecer poços, mitigando a seca para mais de 10 mil pessoas de diversas comunidades, recurso alocado aos programas de responsabilidade social da Petrobras”.


Também no ato de assinatura do convênio entre Cohidro e Petrobras, estava o secretário de estado da Agricultura e Desenvolvimento Rural, José Sobral. Para ele, a Estatal Federal é presente nas questões do campo, onde apoia também o desenvolvimento de novos assentamentos rurais, por meio de suas cooperativas e incentiva na produção das variedades empregadas na fabricação do seu biodiesel e do etanol.

“A Petrobras, com a sua visão de Brasil, de social, de apoio ao desenvolvimento, tem sido muito presente em todas as ações do Governo do Estado. Este convênio em específico tem um alcance extraordinário. São diversas aglomerações humanas que não tem abastecimento de água potável regular, atendidas hoje por caminhões pipa. A proposta trás, primeiro, qualidade de vida à população. Associado a isso vem também as escolas e postos de saúde atendidas. Trás melhoria à saúde destas pessoas que terão acesso a uma água de melhor qualidade para consumir e possibilidade de tratar de sua higiene pessoal”, comenta José Sobral.


Após receber às demandas da sociedade sobre a necessidade de recuperação destes poços, o Departamento de Infraestrutura da Companhia tem papel fundamental de identificar os problemas, planejar ações, viabilizar meios acessíveis à Empresa e de ir em busca de recursos, como explica o Presidente da Cohidro, Mardoqueu Bodano. “Foi a capacidade técnica destes profissionais a grande responsável por convencer e sensibilizar esta, agora, grande parceira que é a Petrobras em nos apoiar nessa empreitada. Estes engenheiros e técnicos estão de parabéns e mostram o que hoje é a essência da Cohidro, feita de gente responsável e competente”.


“Além destes 16 poços recuperados com o apoio da parceira Petrobras, outro convênio com a Defesa Civil de Sergipe propiciará também a recuperação de outros 35 sistemas de abastecimento. O Programa de Recuperação de Pequenas Barragens, convênio da Seagri com a Seides, já recuperou mais de 300 e continua atendendo aos pequenos agricultores, de zonas aonde a aridez que virá nos próximos verões, faz necessário todo tipo de apoio, a fim de prover água à população e suas criações”, conclui Mardoqueu, sobre as outras iniciativas fazem parte das ações do Governo do Estado de combate aos efeitos da seca.

Nenhum comentário: